8.4.10

o tamanho do tempo

Conto o tempo pela ânsia. Tudo que quero fazer hoje tem de caber no hoje, não importa quantas horas hoje tenha de durar. Desistir de algo por falta de tempo me dói como nem ter chance de ir. Desistir é duro. Necessário e duro.

Desistir é liberdade também.

Então, quando desisto, caminho na chuva, pisco pro espelho, agradeço. Tropeço na ânsia. Vou.

Tenho certeza: eu não caibo na minha vida.

3 comentários:

  1. Vc faz falta por aqui! :-) Que as melhores escolhas estejam sendo feitas para o seu momento. Bjos! :-)

    ResponderExcluir
  2. Lindo Camila, muito lindo...

    ResponderExcluir

Coisa boa saber tua opinião.

não se nasce mulher, torna-se mulher [simone de beauvoir]